Educação Financeira

3 maneiras de criar renda passiva mensal

junho 4, 2018 - 11:36 am

Viver dos rendimentos que os investimentos produzem é o sonho de todo poupador e investidor inteligenteNão é pra menos! Afinal, quem não gostaria de ganhar dinheiro todo mês sem precisar trabalhar para isso? E, consequentemente, viver sem preocupação com as contas a pagar? 

Se esse é o seu objetivo, descubra agora 3 maneiras de criar renda passiva mensal.  Você pode começar a partir de agora, com qualquer quantidade de dinheiro. Mas não se esqueça:  a disciplina é um ingrediente fundamental para sua conquista!

E aí, ficou interessado?

Ganhar dinheiro com segurança no Tesouro Direto e criar uma renda passiva mensal

Investir no Tesouro Direto é a forma mais fácil, simples e segura de se construir renda passiva com pouco dinheiro.  Mas é uma aplicação que exige algum conhecimento, em função ddiversidade de títulos oferecidos.

Alguns apresentam riscos e oportunidades, dependendo do momento da economia. Estratégia e um bom planejamento são fundamentais para fazer as melhores escolhas.

Para que você tenha sucesso, basta ter a disciplina de investir todo mêsE o melhor de tudo é que com apenas R$ 30,00 você já pode começar a aplicar no Tesouro Direto. É essencial focar no longo prazo, pois o objetivo é acumular uma quantia suficiente. Isso vai permitir ao investidor receber um bom volume de juros dessas aplicações, complementando assim sua renda mensal

Em quais títulos você deve investir para ter sua renda passiva?

Existem 2 tipos de Tesouro Direto ideais para aqueles que desejam ter uma renda passiva mensal. Isso porque eles pagam juros ao investidor a cada 6 meses. Nesse caso, basta desenvolver um bom controle financeiro para distribuir esses rendimentos por seis meses de seus gastos. 

A desvantagem é que você vai pagar o IR a cada 6 meses; isso impacta um pouco no crescimento do seu patrimônio. Mas como o que mais interessa são justamente os juros a serem pagos, isso fica em segundo plano. São eles:

* Tesouro Prefixado com juro semestrais (LTN-F): a cada 6 meses paga os juros prefixados. Isso na data da compra dos títulos.

* Tesouro IPCA+ com juros semestrais (NTN-B): a cada 6 meses paga o IPCA + uma taxa prefixada no momento da compra dos títulos. Esse é, na minha opinião, o mais interessante dos dois. Isso porque já leva em consideração a inflação no período, o que protege o poder de compra do dinheiro investido.

Uma das grandes vantagens do Tesouro Direto é sua alta segurança. Ou seja, nele você empresta dinheiro para a União e ela paga juros para você por isso. Num país como o Brasil, que tem instituições fortes, apesar da crise em que vivemos, dificilmente a União dará um calote.

Gerar dinheiro com o mercado de ações e criar renda passiva com dividendos

Com ações também é possível começar com pouco dinheiro e,de imediato, gerar renda passiva através do recebimento de dividendos. Mas, para isso, deve-se investir em ações com a mentalidade de longo prazo, com o objetivo de tornar-se sócio de grandes empresas e crescer junto com elas. 

Dessa maneiraconsegue-se utilizar os dividendos (parte do lucro da empresa à qual todo acionista tem direito) de uma forma estratégica. Ou seja, reinvestindo-os através da compra de mais ações da  mesma companhia. Gerando assim, o efeito de juros compostos, o que acelerará o crescimento do patrimônio.

Como os dividendos são distribuídos pela quantidade de ações, quanto mais você tiver, mais dividendos terá a receber na próxima distribuição. Dessa formaa melhor estratégia é comprar ações de boas empresas por um preço barato. Adquirindo assim, uma quantidade considerável com uma mesma quantia de dinheiro, e reinvestir os dividendos tão logo forem recebidos. 

Essa é uma condição que sempre aparece durante as crises econômicas mais graves, como a de 2016. O episódio abriu excelentes janelas de oportunidade para quem soube enxergá-las.

É importante você saber diferenciar uma boa empresa de uma ruim e conseguir identificar um bom preço de compra. Assim, você aproveitará os bons momentos para conquistar uma renda passiva cada vez maior, permitindo-se ter muito mais liberdade financeira.

Gerar uma renda mensal com Fundos Imobiliários focados em aluguel

Investir em Fundos Imobiliários, conhecidos também como FIIsé uma maneira inteligente de ser dono de excelentes imóveis. Isso com quantias bem pequenas de dinheiro. Muitos questionam as vantagens de se adquirir participações nesses fundos ao invés de comprar um imóvel para investir. 

Em teoria, funciona da mesma forma, como se o investidor fosse dono de um imóvel comercial. A diferença é que ele será dono de apenas uma parte. 

Uma característica fundamental dos Fundos Imobiliários é que o investidor recebe mensalmente os chamados proventos. Esses podem ser comparados ao valor do aluguel. Além desse rendimento, conta também com a valorização das cotas dos fundos. Mas os benefícios vão além da valorização dos imóveis.

Veja como exemplo:

Isenção Fiscal – O cotista é isento de IR nos rendimentos (proventos).

Menor Risco – Como os FIIs investem geralmente em vários empreendimentos em regiões distintas ou em imóveis com diferentes inquilinosdiminui muito chance de inadimplência ou vacância.

Menos burocracia – Aprovação de construções, reformas, Habite-se, celebração de contratos, etc ficam por conta das administradoras dos fundos.

Liquidez – cotas passam por atualização de valor diariamente. Caso o investidor deseje vendê-las, basta um comando de seu computador e pronto! Bem diferente do processo de venda de um imóvel, que pode durar meses ou anos.

Custo baixo de transação – Ao vender um imóvel, os custos de transferência podem chegar a 6% do valor da venda. Já nos fundos, as taxas cobradas pelas corretoras são infinitamente menores, a partir de R$ 10,00.

Acessível a todos – Como já comentamos, uma enorme vantagem do FII é começar com valores muito baixos.

Gestão Profissional – Nem sempre o proprietário de imóveis tem o tempo e o conhecimento necessários para administrá-lo da melhor maneira. Ofundos, por sua vez, possuem equipes de gestão especializadas para isso.

Qualidade dos Imóveis – Os fundos captam recursos suficientes para construírem os melhores empreendimentos.

Cada uma dessas formas de gerar renda passiva possui características únicas. E elas devem obrigatoriamente ser levadas em consideração para que você tenha sucesso. 

Apesar de ser possível começar com pouco dinheiro, para que você consiga de fato criar uma boa renda passiva no futuro é necessário investir regularmente. Isso sempre com a premissa que o longo prazo fará com que os juros compostos transformem seu dinheiro em uma grande fortuna.

A independência financeira é como uma árvore, e precisa ser regada constantemente para render belos frutos. Comece com pouco, mas nunca deixe de poupar.

Everaldo Santana, educação financeira.

Comentário

Notícias mais relevantes