Academy Trading

Você sabe o que é Tendência no Trading?

outubro 19, 2018 - 11:44 am

Os traders geralmente identificam duas estratégias para analisar e tomar posições diante de um ativo: negociação de faixa e negociação de tendência (tendência no trading). 

No mercado financeiro, os negociantes estabelecem um intervalo entre os níveis de suporte e resistência. Assim, procuram lucrar com movimentos de preços de curto prazo ascendentes e descendentes.

A tendência no trading é uma estratégia de longo prazo em que os operadores tomam posições durante um ciclo de movimentos de preços em uma direção específica, seja para cima ou para baixo. 

Dessa forma, os traders podem estabelecer posições onde vêem mais movimentos de preços a longo prazo. Assim, evitam perdas que podem ocorrer a partir de “breakouts” de preço de um determinado intervalo.

Tipos de tendências

Existem três tipos de tendências:

1 - A tendência principal é aquela que se estende por alguns anos.

2 - A tendência intermediária é aquela que ocorre ao longo de alguns meses.

3 - A tendência menor é aquela que se estende por algumas semanas a um mês.

Enquanto uma grande tendência permanece alta ou baixa, as tendências intermediárias e menores podem flutuar de alta para baixa e vice-versa.

Compreender as principais tendências e olhar para as correções postadas nas tendências intermediárias e secundárias pode ajudar os traders a cronometrar seus negócios. Assim, podem entrar na parte mais baixa da tendência, pouco antes dela retomar a força.

Como você identifica uma tendência nos mercados?

A tendência no mercado pode ser identificada tecnicamente. Quando o preço de um título registra altas mais altas e mínimas mais altas, ultrapassando a alta anterior, entende-se que a segurança está em tendência de alta. 

No entanto, há momentos dentro de uma tendência que o preço pode atingir uma baixa mais baixa ainda. Porém, isso deve ser tratado como uma correção. Dessa forma, a tendência de alta permanece intacta, a menos que o preço determine o contrário.

Como usar os métodos de tendência no trading

Os traders podem fazer uso de vários indicadores técnicos que podem retratar se a tendência é de alta ou de baixa. Por exemplo: médias móveis, Bollinger Bands e canais Donchian. A tendência no trading é uma das formas mais comuns de negociar, pois é segura. 

Isso ocorre porque seguir a tendência é a maneira mais fácil de negociar com riscos mínimos. No entanto, um fator determinante é onde você entra na tendência. 

Geralmente, comprar ou vender em uma tendência deve ocorrer nas quedas ou nos altos e baixos que se formam. Isso porque garante que você está pegando a tendência quando ela está ganhando ímpeto.

Linhas de tendência

Linha reta ou curva em um gráfico de tendência indica o padrão geral ou a direção de um dado de série temporal. As linhas de tendência podem ser desenhadas visualmente conectando os pontos de dados reais ou usando técnicas estatísticas tais como 'suavização exponencial' ou 'médias móveis'.

Canais de tendência

Os canais de tendência são desenhados com linhas de tendência de inclinação definidas nos níveis de resistência e suporte da série de preços de um título. Esses canais não são usados ​​para análise de preços a longo prazo, pois não têm a capacidade de fluir através de reversões. 

A negociação de canais de tendência depende muito do ciclo de tendências de um seguro, que se estende por brechas, intervalos descontrolados e lacunas de exaustão. Geralmente, os canais de tendência são planos, ascendentes ou descendentes. 

Plano: Os canais planos ocorrem quando as linhas de tendência têm uma inclinação zero. Esses canais de tendência mostram movimentos laterais no mercado, sem tendência de alta ou baixa.

Canal ascendente: Um canal ascendente é desenhado a partir de duas linhas inclinadas positivas nos níveis de resistência e suporte de um gráfico de séries de preços. Esse canal mostra uma tendência de alta.

Canal descendente: Os canais descendentes são o oposto dos canais ascendentes. Esses canais são formados por duas linhas de tendência inclinadas negativas nos níveis de resistência e suporte. Um canal descendente mostrará uma tendência de baixa.

Indicadores técnicos comumente usados ​​na tendência no trading

Médias móveis - Uma maneira simples de detectar uma tendência é usar uma média móvel, que é medida pelo preço de fechamento de 'n' períodos somados e divididos por 'n'. Uma das médias móveis mais comuns é a média móvel de 200 dias, que representa cerca de um ano de dados de preços.

Canais de regressão - Esse é um tipo de canal de preços que usa análise de vários períodos de tempo para mostrar onde a tendência de preços está indo ao longo do tempo. 

Ichimoku Cloud - Este indicador usa dados de direção, momento e volatilidade para tentar medir a força de uma tendência de preço. Dessa forma, dará sinais se está estável ou enfraquecendo.

A importância da tendência no trading

A tendência no trading é muito importante para os traders, do iniciante ao especialista. Um mercado de tendência pode dizer se o fluxo monetário é otimista ou pessimista. 

Se o mercado é 'otimista', então a força está com os compradores. Por outro lado, se o mercado está em baixa, então a força está com os vendedores.

Há certos dias no mercado, chamados de "dia da tendência", em que ocorrem tendências de alta ou de baixa. Porém, haverá dias em que uma tendência proeminente assumirá o controle. Em um dia de tendência descendente, muitos traders, tem um impulso para comprar.

No entanto, contrariar a tendência ou negociar em dias de tendência é extremamente estressante. De fato, quando se trata de negociação, o trader precisa ser flexível e mudar o viés com base na configuração técnica do gráfico.

Artigo em parceria com Mejia Investments – Transformando pessoas comuns em Traders de Sucesso. Confira os cursos exclusivos de Trading na Bolsa da Mejia, aprenda tudo sobre Mercado Financeiro e como operar trading na prática.

Comentário

Notícias mais relevantes