Noticias

Mobi, criptomoeda com Exchange própria e plataforma multisserviços

junho 5, 2018 - 9:01 am
Definitivamente, cada vez mais surgem novidades relacionadas às criptomoedas. A Mobi é uma moeda digital brasileira que chega trazendo inovações para o mercado. Isso porque tem uma Exchange própria, além de uma plataforma de multisserviços. A F2Nex é a idealizadora desse projeto. A empresa tem o objetivo de diferenciar-se nesse setor, oferecendo diversos serviços através do App Mobi Service. Em síntese, o aplicativo está habilitado para blockchain, o que facilita operações online. Assim, será possível comprar ingressos, passagens aéreas, fazer um pedido de pizza, etc. A ideia é oferecer serviços com comodidade e rapidez para o usuário.

Criptomoedas são uma opção de investimento

A maneira mais conhecida de poupar dinheiro é mantê-lo na poupança. Além disso, é possível realizar outros tipos de investimentos através de um banco. Porém, com o decorrer dos anos, os brasileiros descobriram outras formas rentáveis de valorizar seus recursos financeiros. Atualmente, podem optar pelas criptomoedas, que são ótimos ativos para transações nacionais e internacionais. Assim, os investidores não pagam juros, impostos ou taxas. Afinal, o mercado criptográfico é descentralizado e não depende de bancos para operar.

Como funciona a Mobi

Primeiramente, ocorreu a oferta inicial de ativo digital (ICO). Dessa forma foi adquirido capital, sendo que no dia 05 de maio encerraram as vendas da Mobi. Foram disponibilizados pacotes com no mínimo mil moedas, que custaram cerca de US$ 70. Logo, quem comprou Mobi recebeu bonificações de até 125% em tokens. Logo depois dessa fase, a Mobi poderá ser vendida ou comprada em qualquer lugar do mundo. Segundo Fares Lakis, CEO da F2Nex, a plataforma oferece inúmeros ativos para negociações, com o diferencial de disponibilizar vários serviços para facilitar o cotidiano do investidor. Quem perdeu a pré-venda terá outras oportunidades em breve. Fares destaca que a F2Nex não tem concorrentes no Brasil. De acordo com ele, a companhia tem o objetivo de transformar o mercado da criptografia nacional e internacional. Isso porque oferece diferenciais como ter uma Exchange própria.

Comentário

Notícias mais relevantes