Noticias

PayPal abandona projeto Libra do Facebook

outubro 6, 2019 - 1:17 pm

Um porta-voz do PayPal declarou em comunicado oficial que a empresa de pagamentos deve sair da Associação Libra do Facebook. O projeto de criptografia iniciado pela rede social mais famosa do mundo, tem recebido tanto elogios quanto críticas. De acordo com a declaração, a ideia é se concentrar em ampliar os serviços, tendo como prioridade os negócios existentes.

Além disso, essa é uma iniciativa para democratizar o acesso a serviços financeiros à população em geral. O porta voz declara ainda que a empresa continua apoiando as pretensões da Libra do Facebook. Dessa forma, espera seguir o diálogo com a empresa para que no futuro possam firmar parcerias.

Também ressalta que o Facebook é um parceiro estratégico há muito tempo. Portanto, é muito e valorizado pelo PayPal. Conforme um representante da Associação Libra do Facebook, o PayPal enviou uma notificação informando que não deve mais participar do projeto.

Libra do Facebook e a reação regulatória

O Facebook lançou a Libra em junho, anunciando que seria uma stablecoin destinada a levar serviços financeiros a indivíduos sem conta bancária em todo o mundo. Em seguida, o projeto recebeu uma reação regulatória imediata. Isso porque formuladores de políticas em vários países alegaram que o Facebook pode desestabilizar a ordem monetária global. 

Em contrapartida, ministros da França e da Alemanha prometeram bloquear o projeto, enquanto a deputada americana Maxine Waters pediu ao Facebook para interromper todo o desenvolvimento. O Facebook explicou que no lançamento trabalharia com 27 parceiros para supervisionar a governança do token Libra. A associação deve se reunir em 14 de outubro para assinar uma carta formal criando um conselho de governo.

O caminho não é fácil

De acordo com Dante Disparte, chefe de política e comunicação da Libra Association, a intenção é desenvolver uma rede de pagamento segura e moderna, com capacidade de atender bilhões de pessoas. Disparte reconhece que esse não é um caminho fácil. Portanto, cada empresa envolvida no projeto deve avaliar os riscos e benefícios de aderir as mudanças que a Libra promete. 

A Associação Libra, com sede em Genebra, é uma organização sem fins lucrativos, constituída por empresas como Mastercard e Visa, que devem supervisionar a criptomoeda.

Recentemente, o PayPal investiu em uma empresa de blockchain chamada Cambridge. O objetivo é explorar potenciais casos de uso dessa tecnologia. Em 2018, a Coinbase, umas das maiores corretoras de cripto ativos do mundo, integrou o PayPal a sua plataforma. Dessa fora, os investidores podem retirar bitcoins por meio do seu saldo online.

Comentário

Notícias mais relevantes