Trading

O que são Small Caps e Blue Chips?

agosto 5, 2019 - 12:35 pm

Um trader iniciante no universo dos investimentos muitas vezes se depara com termos que desconhece, por exemplo: “Small Caps” e “Blue Chips”. Neste artigo vamos esclarecer o que essas expressões significam.

Antes de mais nada, é preciso saber que o mercado de ações separa as empresas de acordo com seu valor de mercado. Dessa forma, há empresas pequenas, chamadas de Small Caps, empresas médias, as Mid Caps e as grandes empresas, chamadas de Large Cap ou Blue Chips.

Em suma, as Blue Chips são ações de companhias de grande porte já consolidadas no mercado. Geralmente contam com alta liquidez, vistas como ações “de primeira linha”. A expressão Blue Chip está associada aos cassinos norte-americanos que possuem fichas azuis no jogo de pôquer (que tem mais valor que as outras).  

Por outro lado, as empresas de médio porte, Mid Caps oferecem liquidez média e uma margem significativa de crescimento. Agora, as Small Caps são empresas pequenas ou recém criadas com valor de mercado abaixo de 3 bilhões. Em razão disso são pouco procuradas, o que as torna baixa em liquidez.

Normalmente, um trader iniciante começa comprando ações Blue Chips. Isso porque são empresas sólidas que oferecem menor risco.

Small Caps

Conhecidas como ações de “segunda linha”, devido ao baixo volume de negociação, tendem a sofrer mais com as oscilações do mercado. No entanto, investir nessas ações pode ser lucrativo. Alguns exemplos de empresas Small Cap são: Lojas Marisa, Alpargatas, CVC Brasil e Hering.

Vantagens de investir

- Geralmente, as Small Caps oferecem negócios inovadores ou fazem parte de seguimentos que ainda não estão consolidados e isso garante um bom crescimento.

- A difícil precificação pode ser considerada tanto uma vantagem quanto uma desvantagem. Devido às incertezas relacionadas as Small Caps, há muitos casos de ações que passaram anos com valores inferiores ao seu valor patrimonial.

- Empresas pequenas estão sempre na mira dos concorrentes para aquisição ou fusão. De fato, quando isso acontece as ações têm forte alta, em razão do aumento do poder de mercado.

Riscos de investir

- O seu baixo volume de negociação pode ser um empecilho para a venda, mesmo que estejam valorizando.

- Fazer análises técnicas e fundamentais dessas ações é mais complicado porque geralmente são novas na bolsa. Outra questão é a confiabilidade dos dados.

- Não há precisão nos preços. Em muitos casos é difícil precificar as ações de forma correta, conforme as transações e valorização da empresa. Além disso, podem oscilar tanto para cima como para baixo.

- Existe a possibilidade da empresa não ser sólida e falir, devido a mau investimento de capital.

Como avaliar uma Small Cap?

Primeiramente, usando o índice SMLL é possível avaliar o desempenho dessas ações. Entre muitos índices da Bovespa, esse é o responsável por reunir todas as Small Caps para avaliação.

Blue Chips

Na bolsa de valores, as empresas Blue Chips são muito populares. Assim, conquistam mais investidores devido aos dividendos distribuídos, bem como a solidez do negócio. Em razão da boa liquidez são responsáveis por grande parte das transações financeiras de compra e venda da bolsa.

Empresas Blue Chips são consideradas um tipo de termômetro da Bovespa. As Blue Chips mais conhecidas são: Itaú Unibanco, Petrobras, Gerdau, Ambev, Vale, entre outras.

Vantagens do investimento em Blue Chips

- Grande parte das empresas blue chips paga dividendos regularmente, mesmo que esteja numa situação desfavorável.

- Em razão da liquidez, oferece aos investidores a possibilidade de compra e venda a qualquer momento, diferente de outros valores mobiliários.

- Sua cotação é dinâmica e favorece sua contratação porque sinaliza que há muito interesse na empresa.

- Geralmente, sua evolução é uniforme e não gera surpresas aos investidores. Portanto, não tende a ter grandes altos ou baixos.

- Em consequência da solidez da empresa, a volatilidade é baixa. Mas não é indicada para investimentos a curto prazo.

Riscos de investir

- Esse tipo de empresa não cresce de forma rápida da mesma forma que as empresas pequenas. Anualmente, há grupos de ações que ultrapassam as Blue Chips. Porém, esse desempenho se origina em um maior risco e volatilidade.

- Outro fator a se considerar é a falência da empresa. Isso pode ser devido a evoluções tecnológicas ou tendências de consumo.

Como avaliar?

A avaliação das Blue Chips é subjetiva, já que não há uma lista de empresas desse tipo na Bovespa. No entanto, muitas empresas são avaliadas por especialistas do setor financeiro.

Artigo em parceria com Mejia Investments – Transformando pessoas comuns em Traders de Sucesso. Confira os cursos exclusivos de Trading na Bolsa da Mejia, aprenda tudo sobre Mercado Financeiro e como operar trading na prática.

Comentário

Notícias mais relevantes